Em Nome de Allah, o Clemente, o Misericordioso!


A Missão de Jesus

Se o Alcorão Sagrado, nega a trindade e a filiação divina de Jesus(que a Paz esteja com ele), então, de acordo com o Alcorão Sagrado, qual foi a verdadeira missão de Jesus(que a Paz esteja com ele)?

Jesus(que a Paz esteja com ele), foi um dos elos da longa cadeia de Profetas e Mensageiros que foram enviados por Deus o Altíssimo, para as varias sociedades e nações sempre que necessitavam de guiamento ou se desviavam dos ensinamentos de Deus.

Jesus(que a Paz esteja com ele), foi especialmente preparado pôr Deus para ser mandado para os judeus, que haviam se desviado do ensinamentos de Moisés(que a Paz esteja com ele), e outros Mensageiros.

Assim como milagrosamente apoiado pôr Deus na concepção, no nascimento e na infância, ele também, foi apoiado pôr numerosos milagres para provarem que ele era um Mensageiro de Deus.

Todavia, a maioria dos judeus rejeitaram, e rejeitam o seu ministério, o Alcorão Sagrado nos informa sobre a missão de Jesus(que a Paz esteja com ele), Deus o Altíssimo diz no Alcorão Sagrado: ''Ele lhe ensinará o Livro, a sabedoria, a Torá e o evangelho.

E ele será um Mensageiro par os israelitas, e lhes dirá: Apresento-vos um sinal do vosso Senhor. Plasmarei de barro a figura de um pássaro, à qual darei vida, e a figura será um pássaro, com beneplácito de Deus, curarei o cego de nascença e o leproso; ressuscitarei os mortos, com anuência de Deus, e vos revelarei o consumis e o que entesourais em vossas em casas. Nisso ha um sinal para vós, se sois fiéis. Eu vim para confirmar-vos a Torá, que vos chegou antes de mim, e para liberar-vos algo que vos está vedado. Eu vim como um sinal de vosso Senhor. Temei a Deus, pois, e obedecei-me. Sabei que Deus é meu Senhor e o vosso. Adorei-O, pois. Essa é a senda reta.'' (3ª Surata Imran, versículos 48 a 58)

Em outro versículo do Alcorão Sagrado, Jesus (que a Paz esteja com ele), confirmou a validade da Torá, que foi revelada a Moisés(que a Paz esteja com ele), e também trouxe a boa nova da chegada de um Mensageiro final depois dele. Isto está claramente indicado no versículo seguinte do Alcorão Sagrado.

Deus o Altíssimo diz no Alcorão Sagrado:

''E de quando Jesus, filho de Maria, disse: Ó israelitas, em verdade, sou o Mensageiro de Deus, enviado a vós, corroborante de tudo quanto a Tora antecipou no tocante às predições, e alvissareiro, de um Mensageiro que virá depois de mim, cujo nome será Ahmad! Entretanto, quando lhes apresentou as evidências, disseram: Isto é pura magia!'' (61ª Surata As Saf, versículo 6)

A referencia a respeito do Mensageiro sobre quem Jesus (que a Paz esteja com ele), deu a boa nova consta tanto no Velho, como Novo Testamento da Bíblia, o Velho Testamento contém diversa profecias que só podem ser aplicadas ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele).

Citaremos apenas uma delas, que não se aplica a ninguém mais, exceto ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele).

Está profecia que foi endereçada a Moisés(que a Paz esteja com ele), disse que Deus iria enviar, dentre os irmãos, dos israelitas, um Profeta como Moisés(que a Paz esteja com ele), que seria um fundador, um líder e um modelo para uma comunidade de crentes.

Como cita a Bíblia no Deuteronômio 18: 18-20:

''Eis lhes suscitarei um profeta do meio de seus irmãos, como tu e porei as Minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que Eu lhe ordenar.

E será que qualquer que não ouvir as minhas palavras que ele falar em Meu Nome, eu o requererei dele.

Porém o profeta presumir soberbamente de falar alguma palavra em Meu Nome, que Eu lhe não tenho mandado falar, ou que falar em nome de outros deuses o tal profeta morrerá.''

Qualquer um que esteja familiarizado com a vida do Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), poderá, facilmente perceber que ninguém se ajusta melhor à descrição acima do o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele).

Foi o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), e não Jesus( que a Paz esteja com ele), que como Moisés(que a Paz esteja com ele), nasceu de pais normais, casou-se, fundou uma comunidade crente, estabeleceu uma grande lei e teve uma morte natural.

Um estudo cuidadoso do Novo Testamento, mostra que esse mesmo Profeta, foi mencionado pôr Jesus ( que a Paz esteja com ele), em João 14: 16-17: ''Ele vos dará outro Consolador, para ficar convosco para sempre, bem como o Espírito da Verdade.''

Depois, uma descrição específica desse Espírito da Verdade, e de seu papel, é dada pôr João 16: 13-14: ''Quando o Espírito da Verdade vier, ele vos guiará para toda a verdade, porque ele não falará com autoridade própria, mas, seja lá o que for que ele ouvir, ele falará e vos declarará coisas que estarão para virem.''

Os termos da profecia não justificam a conclusão usualmente atribuída a ela, nomeadamente, que ela refere-se ao Espírito Santo, a explicação do Espírito Santo está excluída pôr um versículo anterior, em João que é seguinte: ''No entanto, eu vos informo da verdade: é para o vosso bem, que eu vou embora, pois, se eu não for, o Consolador não virá para vós.''

Está claro na Bíblia que o Espírito Santo costumava visitar os homens, antes e durante o tempo da vida de Jesus(que a Paz esteja com ele), João o Batista(que a Paz esteja com ele), foi tomado pelo Espírito Santo, antes de nascer e o próprio Jesus(que a Paz esteja com ele), recebeu-o em forma de pombo.

As características desse Consolador, como pode ser deduzido da profecia , são as seguintes:

1- ele não virá, enquanto Jesus (que a Paz esteja com ele), não partir;

2- ele permanecerá para sempre com os crentes;

3- ele glorificará Jesus (que a Paz esteja com ele);

4- ele falará aquilo que ouvir d Deus;

Essas características são aplicáveis apenas ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), como mostram as seguintes observações:

1- O Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), foi o único Mensageiro que veio após Jesus (que a Paz de Deus esteja com ele). Houve entre eles um período de 600 anos, a missão de Jesus(que a Paz de Deus esteja com ele) foi limitada às ovelhas perdidas da casa de Israel, porém, a mensagem do Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), foi Universal, isto explica a segunda característica;

2- Somente a mensagem do Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), foi destinada pôr Deus para ser Universal e perpétua, isto está de acordo com a afirmação de que o Conselheiro permanecerá para sempre com os fiéis;

3- Nenhum Profeta glorificou tanto Jesus (que a Paz de Deus esteja com ele) como o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), o fez, os Judeus taxaram-no de impostor e acusaram a sua mãe Maria (que Deus esteja satisfeito com ela) de imoralidade, os Judeus tentaram crucificá-lo, o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), considerou Jesus(que a Paz de Deus esteja com ele) como sendo um grande Profeta, e como sendo ''a Palavra de Deus''.

O Alcorão Sagrado atribui-lhe milagres que não são mencionados na Bíblia, Maria (que Deus esteja satisfeito com ela) a mais casta de todas as mulheres e a melhor de todas as mulheres do Paraíso.

Portanto, o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), realmente glorificou a Jesus (que a Paz de Deus esteja com ele).

4- A quarta característica é perfeitamente aplicada ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), o Alcorão foi revelado ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), pôr intermédio do Arcanjo Gabriel(que a Paz esteja com ele), quando Gabriel (que a Paz esteja com Ele) acabava de recitar um trecho do Alcorão ao Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), ele imediatamente a transmitia textualmente a seus companheiros e escribas o que ouvira de Gabriel (que a Paz esteja com ele), sem acrescentar, modificar ou esquecer nada do que lhe fora revelado pelo Arcanjo Gabriel (que a Paz esteja com Ele). O Alcorão descreve o Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele). dizendo.

''Ele não fala de sua própria imaginação. Ele fala aquilo que lhe é revelado'' (53ª Surata An Najm,versículos 3 e 40)

Se compararmos isso com a passagem Bíblica, ''ele não falará com autoridade própria'', vemos a impressionante semelhança entre as características do Conselheiro e as do Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele).

Essas e outras profecias do Velho e Novo Testamento predizem em temos inequívocos o advento do Profeta Muhammad(que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre ele), que é rejeitado pêlos Judeus e Cristãos, que se baseiam mais em más e tendenciosas interpretações do que num estudo cuidadoso da Bíblia, do Alcorão e dos novos descobrimentos no campo da religião comparada.